0
 
sudan - the black pharaohs — Fotopedia
The Meroe Pyramids.

The Meroe Pyramids are located in the North-East of Sudan near the banks of the Nile in the area commonly known as Nubia. There are close to two hundred pyramids in a relatively small area, the ancient burial site of the Merotic Kingdom (sometimes known as the Kingdom of Kush). The Pyramids are smaller than their Egyptian cousins but equally impressive due to their number. The first of the Meroe Pyramids were built about 800 years after the last Egyptian pyramids were completed. The Meroe pyramids were constructed from large blocks of sandstone. They're angled more steeply than the Egyptian pyramids.
The Kush Kingdom flourished for 900 hundred years from around 800 B.C. to 280 A.D. and held power over a vast area covering much of the Nile Delta and as far south as Khartoum. Meroe became very important as the Kingdom's center from around 300 B.C. to 280 A.D. Egyptian influence remained strong and Egyptian artisans were used to build the Meroe Pyramids to commemorate dead royalty. The dead were buried in chambers underneath the pyramids.
Excavations of the Pyramids started in mid 19th Century. Most notoriously, an Italian explorer, Giuseppe Ferlini (1800-1870), smashed the tops off 40 pyramids in a quest to find treasure. What was found was brought back to British and German museums along with samples of Meroitic writing and reliefs depicting historical events. Through the years, the pyramids have been plundered of all their wealth and left to the elements. But many of the pyramids still stand and their architectural elegance is worth a trip. Some of the pyramids have been reconstructed so you get a good idea of what they must have looked like.

Wikipedia Article
See encyclopedia photos — 
Meroe

See encyclopedia photos — 
Sudão

O Sudão (em árabe: السودان, transl.: As-Sudan; em inglês: Sudan), oficialmente República do Sudão (em árabe: جمهورية السودان, transl.: Jumhūriyyat as-Sūdān; em inglês: Republic of the Sudan), é um país africano, limitado a norte pelo Egito, a leste pelo Mar Vermelho, por onde faz fronteira com a Arábia Saudita, pela Eritreia e pela Etiópia, a sul pelo Sudão do Sul e a oeste pela República Centro-Africana, Chade e Líbia. A capital é Cartum.


See encyclopedia photos — 
Núbia

A Núbia é a região situada no vale do rio Nilo que atualmente é partilhada pelo Egito e pelo Sudão mas onde, na antiguidade se desenvolveu o que se pensa ser a mais antiga civilização negra de África (baseada na civilização anterior do Alto Egito, e tanto que Napata antes de ser a capital da Núbia independente da sua metrópole colonial egipcia, era uma mera colonia egípcia ao sul de Assuã, anexada durante o Médio Império; aparentemente os Núbios eram filhos de colonos sul-egípcios com escravas nilóticas), que deu origem ao reino de Cuche, que existiu entre o III milênio a.C. e o século IV d.C. da nossa era. Este reino foi então dominado pelo reino de Axum e aparentemente, os núbios formaram novos pequenos estados fora da região ocupada. Um deles, Macúria tornou-se preponderante na região, assinando um pacto com o Egito islâmico para conservar a sua religião cristã (copta), que conservou até ao século XIV, quando foi finalmente submetida aos árabes dominantes, mais precisamente dominada pelos Turcos Mamelucos por volta de 1315. Eles impuseram sua religião muçulmana e colocaram no poder um príncipe Núbio convertido ao Islã.

No entanto, a parte sul conservou-se independente, como o reino de Sennar, até ao século XIX, quando o Reino Unido ocupou a região. Com a independência dos atuais estados africanos, os núbios ficaram divididos entre o Egipto e o Sudão.


See encyclopedia photos — 
Norte de África

O Norte de África, Norte da África, Norte d'África, África do Norte, África setentrional ou África branca (por oposição à África Negra) compreende os países localizados no norte do continente africano, junto ao Mediterrâneo, nomeadamente Marrocos, Tunísia, Argélia, Líbia e Egito. No entanto, o Departamento de Estatísticas da ONU inclui nesta sub-região o Saara Ocidental e o Sudão (a azul, no mapa).

Todos os países referidos são membros da Liga Árabe e cinco países desta região do continente (Marrocos, Tunísia, Argélia, Líbia e a Mauritânia) formam uma organização de integração económica subregional, a União do Magrebe Árabe.